Barjas negocia com o Estado a não venda do Horto Florestal de Tupi

Publicado no dia 17/02/2017 às 06:15Por: Assessoria de Imprensa

Foto: Justino Lucente / CCS

O secretário de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, Ricardo de Aquino Salles, visitou a Estação Experimental de Tupi, na manhã de Hoje. Ele foi recebido pelo prefeito Barjas Negri, pelo secretário de Defesa do Meio Ambiente, Rogério Vidal, pelo deputado estadual, Roberto Morais, pelo pesquisador do Instituto Florestal (IF), Luis Alberto Bucci, e por funcionários. No final de janeiro deste ano, o Governo anunciou que pretende vender o Horto Florestal de Tupi, nome pelo qual o local é conhecido.

Salles chegou por volta das 11h15 e conheceu as áreas de uso público do Horto, como o Núcleo de Educação Ambiental, onde são realizadas atividades em parceria com a escola do distrito de Tupi, a área do lago Marcelo e talhões de pinus que existem no local.

De acordo com Barjas, a visita teve caráter exploratório, para tentar uma parceria do Estado com a municipalidade e com a sociedade civil, no sentido de manter o Horto, que é um patrimônio. “Para isso é preciso fazer investimentos, acionar o setor privado para exploração do local para o lazer e o ecoturismo, principalmente. Vamos, por meio da Secretaria de Defesa do Meio Ambiente e do Instituto Florestal (IF), montar uma equipe para que o Horto continue sob a responsabilidade do setor público e à disposição da população de Piracicaba e da região”, disse Barjas.

Foto: Justino Lucente / CCS

De acordo com o Salles, a visita serviu para verificar as condições do Horto, sua infraestrutura geral e infraestrutura para o turismo e saber qual caminho seguir. “A ideia principal é passá-lo à Prefeitura de Piracicaba”, adiantou o secretário.

A Estação Experimental de Tupi foi criada em 1949 e está localizada na Rodovia Luiz de Queiroz, km 149, no distrito de Tupi. Tem área de 198 hectares com vegetação de Mata Atlântica. Em sua área de reflorestamento são encontradas espécies florestais nativas e exóticas, originando um ambiente floristicamente diverso.

Qual sua opinião? Comente!